Fale conosco:

contato@easywaysp.com.br

Copyright 2019 Todos os direitos reservados.

11 de Maio de 2015
Pequenos Grandes Gestos

A cada dia me encanto com a rica vivência que temos aqui na Easyway com os participantes de nosso seminário para parar de fumar.

Semana passada alguns participantes proporcionaram um dos momentos mais tocantes desde que começamos a operar em 2012.

Sempre temos muitas alegrias advindas dos participantes, e os seminários nos trazem uma grande realização, mas o seminário dessa turma foi particularmente especial.

Era fim de tarde quando cheguei de carro com meu filho de quatro anos após buscá-lo da escola. Eu estava saindo do carro e entrando na empresa, justo no momento em que

quatro participantes estavam saindo para fumar os últimos cigarros de suas vidas. Era a última pausa.

Para quem não sabe, nosso seminário vai apresentando o conteúdo ao longo do dia e pausas para fumar são realizadas durante todo esse período, de modo que você fica bem o dia todo e vai se desvinculando do cigarro aos poucos até estar livre no final do dia.

Meu filho (um tagarela de primeira) logo foi puxando papo com os participantes ali na porta, perguntando seus nomes e conversando animadamente.

Na mesma hora, instintivamente, todos, TODOS, levaram o cigarro para trás antes de acendê-lo tirando-o de seu ângulo de visão. Foi um gesto de carinho sem precedentes. Depois eu enviei um e-mail a eles agradecendo por terem feito isso.

Meu filho ainda não sabe o que os pais fazem. Só sabe que naquela sala damos "o seminário". Quando ele crescer mais um pouquinho, vou contar a ele o que é o cigarro e o que ele faz na vida das pessoas. E explicar que papai e mamãe ajudam as pessoas a se libertarem da armadinha na qual um dia caímos ao colocar o primeiro cigarro da vida na boca.

Sei como ninguém que sermos expostos a imagem de pessoas fumando desde pequenos (nossos pais, nossos amigos) faz com que acreditemos que fumar é algo normal e natural de se fazer. Isso é terrível para a cabecinha das crianças, e foi o que um dia nos fez acreditar que estava tudo bem experimentar um cigarro. Foi ali que tudo começou.

Tenho clientes que escondem de seus filhos que fumam. Clientes que vão passear no parque do Ibirapuera e viram o carrinho dos filhos para o outro lado, para que não os vejam fumar. Mulheres grávidas que se escondem dentro de seus carros para fumar angustiadas, de modo que não sejam discriminadas e julgadas.

No fundo sentimos vergonha por fumar. Diante de nossas famílias, diante de nós mesmos. E é muito, muito bom se libertar e ver que não precisamos do cigarro para absolutamente nada. :-)

Essas newsletters tem um único objetivo: Fazer com que você um dia alcance esse estado, que – francamente – é muito gostoso de sentir.

E que esse dia possa chegar logo para você. :-)

Um grande abraço, e obrigada por ler nossas newsletters!

 

Lilian Brunstein
Terapeuta Senior
Allen Carr’s Easyway São Paulo 

Receba agora seu "Guia Definitivo Para Parar de Fumar"

Um Brinde Grátis Para Você

Conhecimento É Poder!